Vejam um ciclista, ele gosta de ajudar as pessoas e de preservar a natureza

Olá Visitante
 


 

Padrinho de Trilha


A montagem e execução de trilhas dominicais exige um certo trabalho.

Junto com esse trabalho agrega-se também custos.

O volume de trabalho e o valor desses custos não é alto, mas se eles recairem sempre sobre as mesmas pessoas, irão se transformar em um grande ônus pessoal cujo objetivo principal é proporcionar ótimas condições de realização de trilhas para todos os Rebas.

A Comissão de Trilhas do Rebas do Cerrado está atenta a essas tarefas.

O Rebas do Cerrado é um grupo de amigos que se reune para pedalar e não têm nem visa fins lucrativos, o que leva ao enfoque de divisão de trabalhos e ônus em todos os seus eventos e atividades.

Assim, por uma questão de justiça, divisão de trabalho e repartição de custos, foi criada a figura do Padrinho de Trilha.

O Padrinho de Trilha tem o carater voluntário e conta com o assessoramento da Comissão de Trilhas, que indica um Orientador para acompanhar o desenvolvimento dos trabalhos do Padrinho de Trilha, direcionando suas ações dentro de diretrizes padrões adotadas pelo Rebas do Cerrado.

Para ser um Padrinho de Trilha não é necessário ter experiência ou qualificação, basta ter diponibilidade de tempo para fazer um reconhecimento prévio da trilha, atualizando a Planilha de Navegação Rebas(PNR) e identificando pontos críticos e perigosos que serão destacados aos participantes no dia de execução da trilha.

É importante destacar que um Padrinho de Trilha não estará sozinho nessas tarefas, sendo acompanhado sempre por um Orientador, indicado pela Comissão de Trilhas para esse fim.

Se você tem disponibilidade e interesse em ser um Padrinho de Trilha, procure um dos integrantes da Comissão de Trilhas e apresente sua colaboração. Ela será muito bem vinda.

Venha participar!!!

TAREFAS DO PADRINHO DE TRILHA

1. Fazer contato com a Comissão de Trilhas para saber quem é o Orientador que vai acompanhar os trabalhos do Padrinho de Trilha.

2. Colecionar todos os documentos e informações relativas à trilha, solicitando ajuda do Orientador, caso julgar necessário.

3. Executar a trilha com antecedência para:

a. confeccionar ou atualizar a Planilha de Navegação Rebas(PNR);
b. obter ou atualizar o tracklog da trilha(se for o caso);
c. fazer o balizamento do percurso(se for o caso);
d. verificar a existência de impedimentos e trechos perigosos. No caso de impedimentos, apresentar uma alternativa de percurso. No caso de existência de trechos perigosos indicá-los na Preleção da Trilha, a ser realizada no dia de sua execução;
d. confirmar o tamanho da trilha e sua qualificação de dificuldade.

4. Fazer contato com proprietários, administradores e gerentes de terras por onde passa a trilha solicitando autorização.

5. Fazer contato com bares e similares interessantes na trilha, informando da passagem do grupo.

6. Fazer a Preleção da Trilha para os participantes, antes da largada do Ponto Zero, contendo todas as recomendações que julgar interessante aos participantes, tanto de carater administrativo, quanto de carater de segurança.

7. Definir bikers com as funções de acompanhar a vanguarda da trilha(abre trilha), intermediar a trilha(meião) e finalizar a trilha(cozinha).

8. Verificar a necessidade de bikers Balizadores de Percurso, indicando-os, se for o caso.

9. Providenciar a presença de carro de apoio.

10. Negociar estadias e alimentação, quando houver necessidade.

11. Zelar pelo fiel cumprimento dos horários previstos.

12. Conduzir os participantes do Ponto de Encontro ao Ponto Zero.

13. Divulgar a trilha na lista de discussão do Rebas do Cerrado.

14. Orientar os bikers através da lista de discussão sobre todas as informações relativas à trilha.

15. Manter-se informado sobre o desenrolar da trilha acionando os providenciamentos necessários para que ela flua com normalidade.

16. Permanecer no Ponto Zero até a chegada o último participante.

17. Apresentar sugestões à Comissão de Trilhas para a melhoria na execução da trilha em próximas edições.

18. Se possível e se assim desejar, o Padrinho de Trilha poderá remeter à Coordenação do Rebas do Cerrado seu depoimento para ser disponibilizado no site do Rebas do Cerrado.

Marca registrada Rebas do Cerrado - Nota de rodapé do site
Webdesigner: Débora Alves

A primeira versão deste site foi construída por Eliézer Roberto Pereira , Bob King, um dos fundadores do Rebas do Cerrado que infelizmente nos deixou em dezembro de 2004.

Posteriormente o nosso amigo Marcelino Brandão Filho, também fundador e coordenador do grupo por 6 anos, desenvolveu com dedicação ímpar uma nova versão. Marcelino faleceu em julho de 2013 e além do site deixou entre outros legados importantes a padronização dos procedimentos de operacionalização e condução dos eventos Rebas.

Mantemos a página principal o mais próximo possível do desenho original em homenagem aos dois fundadores.

As marcas Rebas® e Rebas do Cerrado®, bem como o logotipo® do grupo Rebas do Cerrado são Marcas Registradas® pelo Instituto Nacional de Propriedade Industrial(INPI), com todos os Direitos Reservados.